Gigante verde

Fabricantes de canteiros de jardim elevados em metal

Canteiro de jardim elevado circular: tudo o que você precisa saber

Um canteiro circular elevado é ideal para jardineiros iniciantes porque dá às plantas a profundidade e a nutrição de que precisam para prosperar sem amplo conhecimento de jardinagem. Além disso, o formato fornece espaço e suporte que as plantas menores precisam, ao mesmo tempo que permite às plantas maduras espaço suficiente para espalhar suas raízes.

Se você está convencido de que um canteiro circular elevado seria perfeito para a sua horta, aqui estão algumas coisas que você precisa saber antes de começar.

Quais são os três tipos diferentes de canteiros elevados?

Canteiros elevados tornaram-se cada vez mais populares nos últimos anos para tornar a jardinagem mais fácil e acessível. Mas você sabia que existem vários tipos diferentes de canteiros elevados? Aqui, discutiremos três das variedades mais comuns para que você possa decidir qual é a certa para suas necessidades de jardinagem.

  • Jardins em caixa de madeira

Caixa de madeira jardins são designs clássicos de canteiros elevados. Eles vêm em vários tamanhos, formatos e alturas para acomodar qualquer estilo de jardinagem. Jardins de caixas de madeira podem ser construídos com madeira tratada sob pressão, sequóia ou cedro, durando muitos anos sem apodrecer ou desmoronar. Apesar de sua aparência tradicional, as caixas de madeira proporcionam excelente drenagem e aeração do solo, o que ajuda a promover sistemas radiculares saudáveis nas plantas.

Jardins em caixa de madeira

  • Canteiros de jardim suspensos de metal

Canteiros elevados de metal estão se tornando cada vez mais comuns como mais uma opção para quem deseja algo diferente da madeira. Esses jardins elevados têm um aspecto industrial, mas ainda oferecem as mesmas vantagens dos jardins de madeira, como boa drenagem e aeração do solo. Canteiros elevados de metal são sólidos e resistentes em comparação com seus equivalentes de madeira, embora não sejam tão atraentes visualmente falando. Independentemente disso, eles são a melhor opção se você está em busca de força!

Canteiros de jardim suspensos de metal

  • Camas absorventes

Camas absorventes são canteiros elevados autoirrigáveis com um reservatório de água na base cheio de fertilizante líquido ou misturas de solo especializadas, dependendo de suas necessidades de jardinagem. As plantas crescem acima deste reservatório de água, usando um sistema de irrigação embutido, enquanto as raízes extraem a umidade diretamente do subsolo. Este método ajuda a conservar o uso de água, ao mesmo tempo que fornece nutrientes suficientes às suas plantas ao longo do tempo, sem se preocupar em regá-las em excesso ou submergi-las.

Camas absorventes

Como você planta um jardim circular?

Plantar um jardim circular pode ser uma maneira fácil e bonita de dar um visual único ao seu espaço ao ar livre. Aqui estão as etapas para começar:

  1. Escolha o local certo para o seu jardim – Selecione um local com luz solar adequada e acesso à água.
  2. Compre materiais – Você precisará de parafusos de convés, madeira, terra, corretivos de solo e fertilizante orgânico.
  3. Meça e marque o centro do canteiro do seu jardim – Meça o diâmetro do seu canteiro circular e marque o centro com uma estaca ou linha de giz no chão.
  4. Construa a estrutura – Use placas 2×6 cortadas em comprimentos mais curtos e fixe-as aparafusando-as umas nas outras na posição correta. bordas para formar um anel ao redor do perímetro do seu círculo.
  5. Cubra a moldura com folhas de plástico - Para ajudar a reter a umidade e evitar o crescimento de ervas daninhas, cubra a moldura com folhas de plástico ou tecido de paisagem antes de adicionar terra.
  6. Encha sua cama com terra – Adicione terra para completar o enchimento da cama, garantindo que ela fique bem compactada contra as bordas externas da estrutura.
  7. Plante as plantas desejadas – Depois de preencher todas as áreas do seu canteiro, você pode plantar qualquer flor ou vegetal que desejar!

Quais são as desvantagens dos canteiros elevados?

Canteiros elevados têm desvantagens que devem ser consideradas antes de construir um canteiro.

A consequência mais aparente dos canteiros elevados é o custo de aquisição dos materiais e possivelmente da contratação de mão de obra para construir o canteiro.
Se não forem construídos corretamente, podem ser perigosos se ficarem instáveis ou apodrecerem rapidamente.

Eles tendem a aquecer mais rápido do que o solo circundante, mas esfriam mais rapidamente devido ao aumento da exposição ao vento e a outros elementos. Isso pode afetar plantas que precisam de temperaturas consistentes para um crescimento ideal.
Eles exigem manutenção, pois as ervas daninhas devem ser arrancadas e o solo reabastecido periodicamente, tornando-os um tanto trabalhosos para jardins mais extensos.

Insetos e animais podem tentar acessar suas plantas quando cultivadas em canteiros elevados devido à fácil acessibilidade ao solo, sementes e vegetação próxima, o que pode danificar e arruinar a produção ou até mesmo espalhar pragas ou doenças por todos os canteiros de seu jardim se não estiver suficientemente protegido contra estes. intrusos.

Qual deve ser a profundidade de um canteiro elevado?

Canteiros elevados têm normalmente entre dez e 30 centímetros de profundidade. Quanto mais fundo o canteiro, melhor será para suas plantas. Isso ocorre porque canteiros mais profundos ajudam a reter a umidade e permitem mais espaço para o crescimento das raízes. Também ajuda a criar uma melhor aeração do solo e permite a adição de matéria orgânica, como composto ou cobertura morta.

É importante ressaltar que cada planta possui requisitos específicos em relação à profundidade. Por exemplo, certos vegetais como cenouras e rabanetes precisam de pelo menos 30 centímetros de profundidade, pois possuem sistemas radiculares longos. Outras plantas, como o tomate, podem precisar apenas de 20 centímetros de profundidade, pois suas raízes ficam relativamente próximas da superfície do solo. No entanto, a maioria dos vegetais fica bem com uma cama de 4 a 6 polegadas de profundidade.

Ao decidir qual profundidade é adequada para o canteiro do seu jardim, é essencial considerar o tipo de planta que você está cultivando e o tamanho provável de seu sistema radicular. Se você planeja cultivar plantas mais altas, como milho ou feijão, um canteiro mais profundo pode ser necessário, pois elas podem ter sistemas radiculares extensos que precisam de espaço extra para crescer corretamente. No entanto, se você estiver aumentando vegetais de raízes superficiais, como pimentão ou alface, 10 a 15 centímetros devem ser suficientes!

Qual deve ser a profundidade de um canteiro elevado?

Geralmente, canteiros elevados com entre 10 e 30 centímetros de profundidade devem funcionar perfeitamente para a maioria das plantas e dar-lhes espaço suficiente para desenvolver sistemas radiculares robustos para ajudá-las a prosperar em seu jardim!

Qual é o canteiro elevado de maior durabilidade?

O metal costuma ser o material de escolha em termos de durabilidade e longevidade, então você pode estar se perguntando qual é o melhor canteiro elevado de metal para suas necessidades.

Qual é o canteiro elevado de maior durabilidade?

Canteiros de jardim elevados em metal há muito tempo são usados como uma ótima maneira de cultivar plantas e, ao mesmo tempo, mantê-las protegidas de certas pragas e outras criaturas. Canteiros elevados de metal são duráveis e duradouros e ficam ótimos ao ar livre. Muitos metais camas podem ser feitas de materiais reciclados como aço ou alumínio recuperado, tornando-os uma opção ecologicamente correta para quem deseja uma solução sustentável para seu quintal ou pátio.

Leitura recomendada: Canteiros elevados: Aluzinco vs. Madeira e Metal Galvanizado

Canteiros Elevados: Aluzinco vs. Madeira e Metal Galvanizado

Para garantir que o seu canteiro elevado de metal dure muito tempo, você deve ter algumas coisas em mente. Primeiro, certifique-se de que sua cama tenha orifícios de drenagem para evitar que a água se acumule e se acumule no solo. Além disso, use um forro resistente dentro de sua cama para protegê-la contra danos causados pela umidade ao longo do tempo. Finalmente, escolha metais de alta qualidade como aço inoxidável ou aço galvanizado para obter os melhores resultados.

Esteja você planejando usar seu canteiro elevado de metal ao ar livre ou dentro de casa, seguir estas dicas ajudará a garantir que ele dure o máximo possível e permaneça ótimo temporada após temporada!

As camas elevadas devem ter fundo?

Há muito debate sobre se os canteiros elevados precisam ou não de fundo. Algumas pessoas dizem que ter uma base (geralmente feita de tela de arame ou tecido) ajuda a impedir a entrada de pragas e ajuda na drenagem. Outros dizem que é desnecessário e que uma camada de papelão ou jornal resolverá. Então, qual é o veredicto?

Como acontece com a maioria das coisas na vida, não existe uma resposta única para todos. Depende da sua situação. Por exemplo, se você mora em uma área com muitos roedores, você pode considerar adicionar um fundo ao seu canteiro elevado para mantê-los afastados. Ou, se você tiver uma drenagem inferior em seu quintal, uma base pode ajudar.

Por outro lado, talvez você não precise de um fundo se não tiver pragas ou problemas de drenagem. Uma base pode dificultar o acesso às suas plantas (especialmente se elas forem altas), por isso é algo a considerar antes de construir o seu canteiro elevado.

Resultado final? Faça pesquisas e decida o que é melhor para você e seu jardim!

O que você coloca no fundo de um canteiro elevado?

Canteiros elevados são uma opção cada vez mais popular para jardineiros que desejam mais controle sobre seu ambiente de cultivo. Mas o que você deveria coloque no fundo da sua cama elevada para garantir os melhores resultados? Leia mais para descobrir!

A primeira e mais importante camada de qualquer canteiro elevado é uma barreira contra ervas daninhas. Isto pode ser conseguido colocando alguma forma de cobertura morta, como papelão ou jornal, seguida por uma camada de material orgânico, como lascas de madeira ou palha. Você também pode adicionar composto ou estrume a esta camada, se desejar.

A segunda camada deve ser de solo superficial misturado com areia e vermiculita ou perlita. Isso ajudará a criar uma melhor drenagem e aeração para as raízes das plantas, garantindo que elas obtenham todos os nutrientes de que precisam sem ficarem encharcadas.

Finalmente, adicione uma camada relativamente fina de solo solto na superfície. As suas plantas beneficiarão desta nutrição adicional, mas tenha cuidado para não exagerar – demasiada sujidade pode sufocar as raízes e deixá-las vulneráveis a pragas e doenças.

Lembre-se: cada planta tem necessidades diferentes, então ajuste estas instruções se necessário. No entanto, seguir estes passos deve garantir que o seu canteiro elevado esteja preparado corretamente para um crescimento ideal!

Devo colocar pedras no fundo do meu canteiro elevado?

Você já se perguntou se adicionar pedras no fundo do canteiro elevado é uma boa ideia? A resposta é sim – há vários benefícios em fazer isso. Aqui, discutiremos por que adicionar pedras ao fundo do canteiro elevado pode ser benéfico e como você deve fazer isso.

Devo colocar pedras no fundo do meu canteiro elevado?

Benefícios: Ajuda na drenagem

Adicionar pedras ao fundo do canteiro elevado tem muitas vantagens. Por um lado, ajuda a promover a drenagem, proporcionando poros para a água escoar. Além disso, pode fornecer estabilidade e suporte adicionais para vegetais ou outras plantas que possam precisar de mais profundidade do que o solo oferece. Finalmente, as pedras ajudam a impedir que ervas daninhas invadam seu canteiro elevado.

Que tipo de pedra usar?

Ao decidir se deve ou não adicionar pedras ao canteiro elevado, você deve considerar que tipo de pedra usará. Os melhores tipos de rocha para esse fim são pedras de rio ou cascalho triturado, porque ambos têm tamanhos pequenos o suficiente para permitir uma drenagem adequada e não impedem que as raízes se espalhem pelo resto do solo. Além disso, certifique-se de que qualquer tipo de rocha que você escolher seja segura e não tóxica, para que não machuque nenhuma planta ou animal que viva dentro ou perto de seu canteiro elevado.

Quão profundo colocar?

Outro fator importante ao considerar adicionar pedras ao canteiro elevado do jardim é a profundidade em que elas devem ser colocadas. De modo geral, uma camada de cinco centímetros de espessura na base deve fornecer suporte e estabilidade suficientes, ao mesmo tempo que permite drenagem adequada e circulação de ar em todo o canteiro do jardim.

Então agora você sabe se adicionar pedras no fundo do canteiro elevado é uma boa ideia! Pode ajudar a promover a drenagem, fornecer mais suporte para vegetais ou outras plantas que precisam de mais profundidade do que o solo oferece e impedir que ervas daninhas invadam seu canteiro elevado. Apenas certifique-se de colocar uma camada apropriada (cerca de cinco centímetros) e usar um tipo de rocha adequado, como pedras de rio ou cascalho triturado, para obter os melhores resultados!

Quais são os três erros a evitar ao cultivar canteiros elevados?

Ao fazer jardinagem com canteiros elevados, muitas pessoas se precipitam sem planos de longo prazo ou sem compreender as nuances. Infelizmente, isso pode levar a erros dispendiosos que prejudicam o crescimento do seu jardim. Para guiá-lo neste processo, aqui estão três erros a evitar ao jardinar com canteiros elevados:

  1. Você não está adicionando furos de drenagem. Se o seu canteiro elevado não tiver furos de drenagem, o excesso de água ficará preso e poderá causar apodrecimento das raízes das plantas devido à falta de oxigenação. Certifique-se de adicionar orifícios de drenagem suficientes para o fluxo adequado de água e troca de ar dentro da cama.
  2. Você não está preparando o solo. A maior parte do solo não é naturalmente adequada para jardinagem, por isso é importante alterá-lo com materiais ricos em nutrientes, como composto e esterco, antes de plantar qualquer coisa em seu canteiro elevado. Preparar o solo também é necessário se você procura um jardim mais sustentável, pois os solos corrigidos capturam mais matéria orgânica e umidade do que os não corrigidos.
  3. Você está usando muita cobertura morta ou fertilizante. Pode ser tentador usar quantidades excessivas de fertilizante ou cobertura morta para obter resultados rápidos, mas ambos devem ser usados com moderação; muito pode danificar as raízes das plantas e inibir o crescimento das plantas em vez de ajudá-las! Meça corretamente a quantidade de cobertura morta ou fertilizante necessária, examinando o tamanho dos canteiros e as necessidades de nutrientes antes de aplicar qualquer alteração.

Você obterá os melhores resultados possíveis evitando esses três erros comuns ao criar seu jardim com canteiro elevado! Boa sorte!

Conclusão (Benefícios)

O principal benefício de usar um canteiro circular elevado é que ele permite que o solo aqueça rapidamente durante as estações frias (como a primavera). Isto aumenta a probabilidade de uma germinação bem-sucedida, tornando mais fácil a produção de frutas e vegetais saudáveis ao longo do tempo e com o mínimo de esforço. Além disso, as bordas elevadas oferecem proteção adicional contra ervas daninhas, ao mesmo tempo que ajudam a reter a umidade, para que suas plantas não sequem rapidamente durante os meses quentes de verão.

Outra grande vantagem da utilização deste tipo de canteiro elevado é que seu formato redondo permite que o sol alcance igualmente todas as partes do canteiro, estimulando o crescimento uniforme das variedades de plantas e reduzindo problemas de superlotação em jardins planos devido à falta de acessibilidade à luz em determinadas áreas. .

Como fazer manutenção e cuidados

Jardins elevados circulares requerem manutenção regular, como remoção de ervas daninhas, manejo da água e aeração ocasional (soltar o solo). Ainda assim, quando feitas corretamente, essas tarefas não demorarão muito para serem concluídas e resultarão em um solo mais saudável em geral, para que a manutenção não se torne um incômodo no longo prazo. Além disso, adicionar fertilizantes naturais como composto ajudará a impulsionar suas plantas durante a estação de cultivo, mantendo-as frescas o ano todo!

até

Blogueiro de jardinagem

Conheça Even, um ilustre colaborador da Green Giant. Com mais de uma década de experiência prática no nicho de cultivo de canteiros elevados, ela traz uma profundidade de conhecimento incomparável para nossa equipe. Sua experiência, aprimorada ao longo de anos de jardinagem experimental, oferece uma perspectiva perspicaz sobre os aspectos práticos e nuances desta forma única de horticultura.

Você pode gostar

Você sempre pode entrar em contato conosco!

Role para cima
logotipo

Envie uma consulta agora

Por favor preencha o formulário abaixo para nos enviar sua solicitação.

Responderei dentro de 24 horas.

Demonstração do formulário de contato